Estamos com mais 6.772.245 de acessos, graças a você leitor. É grande aceitação do nosso blog em todos os lugares. Obrigado a todos e continue acessando!!!

sexta-feira, 25 de maio de 2018

Mão Santa defende que João Vicente seja vice na chapa de Luciano Nunes

Resultado de imagem para MÃO sANTAO prefeito de Parnaíba, Mão Santa, está defendendo que o empresário João Vicente Claudino (PTB) seja candidato a vice na chapa do deputado estadual, Luciano Nunes (PSDB). 

O vice do pré-candidato tucano terá que passar pelo entendimento com Mão Santa, do Solidariedade. Mão Santa já tentou emplacar a delegada Cassandra Moraes Souza, sua filha, mas não vingou, além de nomes como do vereador José Geraldo Alencar Filho, o Geraldinho (PSB), presidente da Câmara Municipal de Parnaíba.

João Vicente segue conversando com aliados mais próximos do PTB, do Podemos, Solidariedade e outros de partidos emergentes.

Na próxima terça-feira (29), João Vicente dará coletiva onde irá anunciar sua posição para as eleições estaduais. A tendência é que ele descarte a possibilidade de candidatura ao governo do Estado.

As pesquisas internas feitas por João Vicente revelam a viabilidade de uma possível candidatura dele ao governo do Estado e ratifica o nome de Dr. Pessoa como uma competitiva pré-candidatura ao Senado.

APROVEITE QUE ESTÁ CHEGANDO O GRANDE DIA DO MEGA SORTEIO DE UMA PISCINA DE FIBRA; SAIBA COMO PARTICIPAR!


CHEGOU EM PARNAÍBA A SUA MAIS NOVA LOJA DE PISCINAS: SÓ PISCINAS! LÁ VOCÊ ENCONTRA PRODUTOS COMO ACESSÓRIOS, CASCATAS, FILTROS, BOMBAS, ILUMINAÇÃO, PRODUTOS QUÍMICOS, PISCINAS INFANTIS, PISCINAS DE FIBRA, E DEMAIS PRODUTOS PARA LIMPEZA E MANUTENÇÃO DA SUA PISCINA. 
A LOJA SÓ PISCINAS ESTÁ COM SUPER PROMOÇÕES. NA COMPRA DE QUALQUER PRODUTO DA LOJA VOCÊ CONCORRERÁ NO DIA 30 DE JUNHO A UM TANQUE DE PISCINA. A SÓ PISCINAS TAMBÉM ESTÁ COM SUPER DESCONTOS NO CLARIFICANTE GENCO E BALDE DE CLORO ,É ISSO MESMO, APROVEITE E VÁ ATÉ A SÓ PISCINAS E CONCORRA A ESSA MEGA PROMOÇÃO.
E AS PROMOÇÕES NÃO PARAM POR AQUI. NA COMPRA DA SUA PISCINA VOCÊ DÁ UMA ENTRADA MÍNIMA DE 25% E PARCELA O RESTANTE EM 10 X SEM JUROS PELA FINANCEIRA
E VEM MAIS NOVIDADES DE PISCINAS PARA VOCÊ ADQUIRIR A SUA. AGUARDE!
TÁ ESPERANDO O QUE? VÁ ATÉ A SÓ PISCINAS E GARANTA JÁ A SUA.
ENDEREÇO: AVENIDA LEONARDO DE CARVALHO CASTELO BRANCO, Nº 1940, BAIRRO REIS VELOSO, NA ESTRADA QUE LIGA PARNAÍBA A LUÍS CORREIA.

Greve afeta farmácias e supermercados no Brasil

Resultado de imagem para Greve afeta farmácias e supermercados no BrasilA greve dos caminhoneiros, que entrou em seu 4º dia nesta quinta-feira (24), causa problemas de abastecimento e impactos na produção. Veja abaixo os principais setores impactados pela paralisação que afeta todo o país.

Desabastecimento de perecíveis

A Associação Brasileira de Supermercados (Abras) informa que há desabastecimento de produtos perecíveis nos estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Ceará, Espírito Santo, Pernambuco, Tocantins, Santa Catarina, Paraná e São Paulo. Em relação aos produtos não perecíveis, os estabelecimentos possuem um estoque médio de produtos não perecíveis e, por enquanto, ainda não há problemas.

Há supermercados que estão limitando o número de unidades a serem compradas.

De acordo com as empresas associadas à Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (Abia), são mais de 315 caminhões com alimentos perecíveis parados em estradas de Minas Gerais, Goiás, Distrito Federal, Tocantins, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro.

Ainda não há levantamento completo dos prejuízos, mas apenas uma das empresas associadas relata mais de 1.100 toneladas de produtos não entregues a clientes, que significariam perdas em torno de R$ 3 milhões.

Segundo a Abia, também há impacto na produção, cortada por falta de leite que, não sendo captado nas fazendas, terá que ser descartado. Em Barra Mansa e cidades próximas no sul do Rio de Janeiro, aproximadamente 130 mil litros de leite estão sendo descartados por dia. Cerca de 530 produtores em um raio de 150 km estão passando pelo problema desde terça-feira (22).

Outra empresa apontou perdas de toneladas de pão fresco, paralisação de fábricas por falta de espaço para estocar produtos e desabastecimento de matérias-primas, segundo a associação.

A situação é considerada crítica na segunda maior Central de Abastecimento (Ceasa) da América Latina, em Irajá, Zona Norte do Rio. A Associação Comercial dos Produtores e Usuários da Ceasa-RJ (Acegri) estima que se o abastecimento não for normalizado, não haverá o que vender nesta sexta-feira (25).

Produtos mais caros

De acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), é possível identificar alta nos preços dos produtos comercializados no atacado nas Ceasas do país.

No Rio de Janeiro, a batata, por exemplo, passou de R$ 1,30 na última sexta feira para R$ 5,60 na quarta-feira (23). Já em Recife, o mesmo produto era vendido no atacado a R$ 1,80 no dia 18 e nesta quinta-feira (24) já está em R$ 7. A alta da batata se repete também em Mato Grosso do Sul (R$ 1,70 na sexta e nesta quinta em R$ 5), Minas Gerais (1,40 no dia 18 e 3,60 na quarta) e São Paulo (1,84 no dia 18 e 2,70 na terça-feira, 22). Para a Conab, esse comportamento permite inferir que há menos produto no mercado.

Frigoríficos parados

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) informou que a cadeia produtiva da avicultura e da suinocultura do país iniciou esta quinta-feira com 120 plantas frigoríficas paradas – produtoras de carne de frango, perus, suínos e outros.

Mais de 175 mil trabalhadores estão com atividades suspensas em todo o país.

A entidade denuncia ainda que não houve a liberação das cargas vivas em vários pontos de parada do movimento de greve nas estradas, pois diz que recebeu relatos de produtores com caminhões transportando animais parados em bloqueios em todo o país e que haveria casos de animais com mais de 50 horas sem alimentação.

Também está travada em vários pontos a circulação de caminhões de ração, que levariam alimentos para os criatórios espalhados por pequenas propriedades dos polos de produção. A ABPA afirma que a situação nas granjas produtoras é gravíssima, com falta de insumos e risco iminente de fome para os animais.

Para a entidade, os danos ao sistema produtivo são graves e demandarão semanas até que se restabeleça o ritmo normal em algumas unidades produtoras.

Gás de cozinha

O Sindigás informou que há dificuldades na distribuição de gás de cozinha em botijão e a granel (encanado) em Goiânia e no Distrito Federal.

Correios

Os Correios informaram que estão temporariamente suspensas as postagens das encomendas com dia e hora marcados (Sedex 10, 12 e Hoje).

As postagens de Sedex e PAC continuam sendo aceitas, no entanto, enquanto perdurarem os efeitos da greve, haverá o acréscimo de 5 dias úteis no prazo de entrega dessas encomendas, bem como das correspondências.

Essa ampliação dos prazos de entrega aplica-se também a todas as modalidades de serviço internacional, malote, carta, FAC, impresso, mala direta, Correios Entrega Direta e Remessas Econômica/Expressa.

Com relação à entrega pelos carteiros, a empresa esclarece que está ocorrendo normalmente para objetos que já se encontravam nos centros de distribuição. Quanto aos objetos em trânsito ou que estavam na origem quando a greve se iniciou, ainda não é possível mensurar, com precisão, o tempo de atraso, pois dependerá do período que durar a paralisação dos caminhoneiros.

Em todo o país, não foram entregues 34% das encomendas e 27% das correspondências previstas para quarta-feira (23), porque não foi possível a chegada dos caminhões dos Correios ao seu destino.

A ECT informou que tão logo a situação do tráfego nas rodovias retorne à normalidade, a empresa reforçará os processos operacionais para regularizar as entregas.

Comércio eletrônico

A Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) informou que a greve afeta o trânsito de diversas transportadoras. "Já temos relatos de diversas empresas de logística com objetos parados em diferentes locais do Brasil. Diversos atrasos na entrega de mercadorias já são registrados e há um forte aumento de custos logísticos com reprogramação dessas encomendas. Os prejuízos para o setor, para os consumidores e para o país são incalculáveis”, afirma Mauricio Salvador, presidente da ABComm.

A ABComm teme pela proximidade do Dia dos Namorados, no qual muitos consumidores optam por realizar compras pela internet. A entidade estima que mais de 8 milhões de pedidos sejam realizados para a data.

Combustíveis

Em razão da greve dos caminhoneiros que paralisaram o transporte e o consequente bloqueio nas bases de distribuição, o abastecimento nos postos do país está comprometido.

A falta de gasolina e diesel em alguns estabelecimentos gera mais movimento nos postos e, com o aumento da demanda, o estoque pode se esgotar antes do previsto – entre sexta-feira e sábado, segundo a Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes (Fecombustíveis).

Balanço da entidade informa que a situação está crítica, principalmente na cidade do Rio de Janeiro, em que a frota de ônibus foi reduzida pela falta de diesel, e vários postos estão ficando sem combustível.

Em algumas cidades, como em Santos, no litoral de São Paulo, vários postos têm estoque até esta quinta-feira ou no máximo até sexta-feira.

No Rio Grande do Sul, o desabastecimento está generalizado em várias cidades. Em Salvador, na Bahia, também começa a faltar combustíveis e os postos estão com filas enormes.

Em Mato Grosso, na Grande Cuiabá, alguns revendedores informaram que ainda nesta quinta o estoque pode se esgotar. Há ainda confirmações de postos sem produtos em Tapurah, Primavera do Leste, Nova Xavantina, Diamantino e Juína.

Remédios são afetados

Segundo a Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma), a greve dos caminhoneiros está abalando o abastecimento de farmácias e drogarias de todo o país. A entidade afirma que 6,3 milhões de estabelecimentos estão deixando de ser abastecidos diariamente, com impacto de 2,4 milhões de consumidores.

“Um dos principais problemas referem-se aos medicamentos termolábeis, que devem ser mantidos refrigerados e necessitam de temperatura estável até o seu destino final – algo impossível de ser garantido com um veículo travado nas estradas”, disse a instituição, em nota.

Fonte: G1

Juiz suspende direitos políticos da ex-prefeita Adriane Prado

Resultado de imagem para adriane pradoO juiz de direito da Vara Única da Comarca de Luís Correia, Willmann Izac Ramos Santos, condenou a ex-prefeita do município Adriane Maria Magalhães Prado e o servidor Leandro Brito dos Santos em ação civil de improbidade administrativa. A sentença foi dada nessa quarta-feira (23).

Segundo denúncia do Ministério Público do Estado do Piauí, houve desvio de finalidade do ônibus pertencente ao Município de Luís Correia, ligado ao Projeto Caminho da Escola, na festa católica realizada na Paróquia do Município de Cocal, constando foto do veículo mencionado na festa. Oficiada, a então secretária de Educação de Luís Correia, Karla Oliveira, se manifestou afirmando desconhecer o caso, atribuindo que o chefe do setor de transportes, Elizomar Eloi Rodrigues, seria a pessoa adequada para os esclarecimentos acerca da viagem do ônibus até Cocal.

Ouvidos no Inquérito Civil instaurado no âmbito da Promotoria de Justiça de Luís Correia, o Ministério Público concluiu por indícios de responsabilidade das quatro pessoas processadas nos presentes autos.

No decorrer do processo, o órgão ministerial requereu a absolvição dos réus Elizomar Eloi Rodrigues e Karla Oliveira por entender que não foram responsáveis pela improbidade administrativa perpetrada. Leandro Brito alegou que o ato praticado não causou nenhum prejuízo à administração do Município, vez que as pessoas que foram transportadas se cotizaram e custearam as despesas com a manutenção do ônibus do Município.

Já a ex-prefeita argumentou que desconhecia inteiramente a questão implementada por Leandro Brito dos Santos em conduzir os pais e alunos num dia de domingo até a cidade de Cocal, para festejos católicos.

Sentença
Na sentença, o juiz destacou que “não se pode admitir que o administrador permita que terceiros possam lançar mão de equipamentos públicos para o atingimento de finalidade particular, no caso, ao conceder a utilização do ônibus pelos particulares o senhor Leandro Brito dos Santos praticou desvio de finalidade, ou seja, praticou ato com o fim diverso daquele previsto, sem o procedimento legal necessário, praticou ato de improbidade administrativa”.

Já em relação a Leandro Brito, o magistrado afirmou que “ao utilizar o ônibus do Projeto Caminho da Escola do Município de Luís Correia com os comunitários do Povoado do Brejinho sem adotar os procedimentos legais para realização da referida cessão, deixou de agir com legalidade, pois, para realização de cessão do bem público havia necessidade de procedimento que atendesse os ditames legais, ou seja, praticou ação que violou os deveres com a legalidade, portanto, praticou ato de improbidade administrativa”.

Karla Oliveira e Elizomar Eloi Rodrigues foram absolvidos das imputações de improbidade administrativa. A ex-prefeita então foi condenada à perda função pública, suspensão dos direitos políticos pelo prazo de três anos, pagamento de multa de uma remuneração mensal da servidora pública e proibição da ré de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos.

Leandro foi condenado à perda da função pública, caso esteja exercendo, suspensão dos direitos políticos pelo prazo de cinco anos, pagamento de multa civil do valor integral do dano provocado ao erário público, a ser calculado em liquidação de sentença e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de cinco anos. Outro lado

A ex-prefeita Adriane Prado e Leandro Brito não foram localizados pelo GP1

Por: Wanessa Gommes | Edição: Jornal da Parnaíba

Em Parnaíba, Aldo Rebelo tenta reaproximar Mão Santa e Dr. Pessoa

O pré-candidato do Solidariedade à presidência da República, Aldo Rebelo, desembarcou no Piauí na tarde de ontem e cumpre agenda política nesta quinta-feira (24), na cidade de Parnaíba. Em busca de fortalecer o palanque político no Piauí, Aldo tem a difícil missão de reaproximar o prefeito Mão Santa e o deputado estadual, Dr. Pessoa, pré-candidato a senador.

Os dois romperam depois que Dr. Pessoa assumiu a presidência do Solidariedade no Piauí. Mão Santa é aliado do ex-presidente, o advogado Flávio Nogueira, que foi destituído do cargo. Para o prefeito de Parnaíba, a direção nacional errou ao entregar a legenda para o deputado sem diálogo. Ele queria ter sido ouvido. 

Durante a vista de Aldo à Parnaíba na manhã de hoje, Mão Santa falou sobre o assunto. Durante várias vezes no discurso, o prefeito afirma que ainda  considerada como Flávio Nogueira, sem fazer citação a Dr. Pessoa. 

“O meu presidente do Solidariedade é o Dr. Flávio Nogueira. Eu conheço o pai do Flávio. Médico como eu, humanitário, político, honrado, que é muito difícil você passar e sair da política limpo. O meu presidente não vem de cima para baixo. Não existe essa força. A força é o povo. Ele (Flávio) é o nosso candidato. Primeiro está errado o presidente nacional, Paulinho da Força, porque não se faz nada de cima para baixo. O povo é o poder. Errado é ele e, principalmente, quando se falta com a verdade. Vocês faltaram com a verdade. Marcaram uma reunião na Câmara Municipal, eu estaria lá, vocês não fizeram e mentiram. Então meu presidente continua o Flávio Nogueira. ”, disse. A declaração foi dada durante solenidade de entrega da Medalha do Mérito Municipal, que ocorreu no auditório da FIEPI.
Aldo Rebelo recebeu a Medalha do Mérito Municipal e evitou falar publicamente da divisão do partido. Mas citou o momento de divisão que passa o país. “Nem toda divisão é ruim. Perdemos a ideia do que é central, do que é importante para o Brasil. Não que toda divisão seja ruim. Às vezes é necessidade. Vemos no país a divisão em torno das falsas bandeiras e ideias”, destacou.

Ele criticou também o excesso de leis que  prejudicam o empreendedorismo. “O país gasta mais dinheiro com seguro-desemprego do que com orçamento. Se não tem investimento privado não há incentivo, não há apoio. O Brasil não foi preparado para crescer. Investir no Brasil é um desafio quase incontornável. Eu era ministro da Ciência e Tecnologia perdi empresas  de alta tecnologia já instaladas no Brasil e que se transferiram para Argentina. bEu perguntei a um desses embaixadores o motivo e ele disse que só contratava advogados porque as leis do seu país são impossíveis”, destacou.

Aldo rebelo também criticou a legislação ambiental. “Se quiser empreender é tratado como inimigo do Meio Ambiente. O país que mais protege o Meio Ambiente no mundo recebe lições da Noruega, que tem nem 1% da sua mata nativa preservada. O Brasil tem 66%. Esses proprietários tidos como criminosos, aqui no Piauí, esses agricultores protegem 67% da área destinada à proteção ambiental”, declarou.  

Fonte: Por Lídia Brito - Cidade Verde 

Jovens gravam vídeo fumando maconha na praia e viraliza na web

Visivelmente alteradas e fazendo uso de um cigarro de maconha, duas mulheres, que não foram identificadas, postaram um vídeo em uma rede social compartilhado por pessoas de todo o Brasil, dizendo qual o Brasil que querem para o futuro.

No vídeo das duas mulheres estão na Praia da Pedra do Sal, município de Parnaíba, litoral do Piauí. Não se sabe se as duas são piauienses, mas as críticas estão sendo muito grande com relação a alusão que as duas fazem ao uso de drogas. Muitos internautas questionaram a atitude das mulheres.

No Brasil, fumar maconha – assim como o uso pessoal de outras drogas ilícitas – é uma questão polêmica. A legislação do país prevê penas brandas para a utilização pessoal, e severas para a conduta do tráfico.  Fumar maconha é considerado uma contravenção, isso significa que não é um crime. Por outro lado, indica ser uma infração penal. Mesmo que as penalidades sejam mais brandas, isso indica que o uso não é liberado.

A lei brasileira entende uma diferença significativa entre o uso de uma substância ilícita e o seu tráfico. De acordo com a lei, uso possui uma natureza individual. Ele não envolve a distribuição de drogas para nenhum usuário além daquele indivíduo. Por isso, entende-se que o uso não fere nenhum bem jurídico, não podendo configurar-se crime.

O tráfico, por sua vez, envolve a distribuição de drogas ilícitas – em qualquer nível que seja – para outros indivíduos. Nem mesmo é necessário haver lucro pessoal para a configuração do tráfico. Este, por ferir bens jurídicos, é considerado crime, e punido rigorosamente.

O problema, quando o assunto é fumar maconha, é que a origem da erva tende a ser ilícita. Isso implica no fato de que fumar maconha geralmente está relacionado a um crime anterior. Por isso, lidar com a questão envolve uma série de regularizações adicionais.
Fonte: MPiauí

quinta-feira, 24 de maio de 2018

Professores contratados do Estado protestam contra salários atrasados, em Buriti dos Lopes.

Na noite desta quarta-feira(23), os professores celetistas da rede estadual de educação fizeram uma manifestação na Praça Antonio Rumão em Buriti dos Lopes, os mesmos reclamam que o pagamento dos salários de fevereiro e março não foi feito pelo governo do estado.

Muitos docentes estão com suas contas pessoais atrasadas. Uma professora relatou que, o governador Wellington Dias, vem realizando uma verdadeira falta de compromisso com os servidores da educação. Na verdade ele poderia valorizar a classe, não só dos professores, mas dos demais segmentos do governo.

Com o descaso do governador com a educação e transporte escolar atrasado, vários alunos estão sem assistir aula, e assim, ficando prejudicado por conta de uma gestão desastrosa do atual governador Wellington Dias. Até o momento nenhuma medida foi tomada para resolver a situação dos professores.

A atual gestão do excelentíssimo governador Wellington Dias (PT) está um verdadeiro caos no estado.
Fonte: Portal Pedro Guimarães

Jovem se passa por mulher em app para estuprar adolescente no Piauí

Um jovem de 20 anos foi preso na tarde desta quarta-feira (23) suspeito de estuprar uma adolescente de 14 anos em Floriano, Sul do Piauí. De acordo com o delegado Danilo Barroso, o rapaz se passou por mulher em aplicativo de mensagens para ameaçar e abusar sexualmente da vítima.

"O suspeito frequentava a mesma igreja da vítima e tinha uma paixão pela adolescente, tanto que insistia em ficar com ela, mas a mesma não queria. Ele então comprou um novo chip, se passou por uma mulher integrante de um grupo criminoso para ameaçar a menor através do aplicativo de mensagens", contou o delegado.

Conforme o Danilo Barroso, a adolescente era obrigada a mandar fotos nua e manter relação sexual com a pessoa indicada pela suposta mulher, que foi o próprio rapaz. O estupro aconteceu na madrugada na sexta-feira (18) na própria casa do suspeito, que mora sozinho.

"A vítima ainda foi obrigada a gravar o estupro e mandar o vídeo para a suposta mulher. Abalada, a adolescente contou para a mãe, que procurou o Conselho Tutelar e este levou o caso à polícia. A menor mostrou todas as mensagens trocadas e através do cadastro do número descobrimos que estava em nome do rapaz", revelou o delegado.

A vítima foi encaminhada para o exame, que comprovou a conjunção canal. O suspeito foi preso em casa e encaminhado para a Delegacia de Floriano, onde aguarda vaga no sistema prisional.

"Temos todos os prints das conversas e a confirmação do exame, que comprovam o crime. Ele foi atuado por estupro qualificado, devido a vítima ser menor de 18 anos, e deve cumprir 12 anos de prisão", acrescentou Danilo Barroso.

Fonte: G1 PI

CONFIRA AS OFERTAS E DESCONTOS ESPECIAIS DA SEMANA NO ARMAZÉM PARAÍBA

APROVEITE AS OFERTAS SUPER ESPECIAIS QUE O PARAÍBA PREPAROU PARA VOCÊ!
NO ARMAZÉM PARAÍBA, VOCÊ ENCONTRA AS MELHORES FACILIDADES PARA COMPRAR!
EM TODOS OS SETORES VOCÊ PARCELA SUAS COMPRAS EM ATÉ 10X SEM JUROS NOS CARTÕES PARAÍBA.

Freitas Neto diz que Luciano deve buscar um vice de outro partido

Resultado de imagem para freitas netoO ex-senador Freitas Neto (PSDB) não demonstra empolgação com a possibilidade de ser vice na chapa do pré-candidato a governador, deputado Luciano Nunes (PSDB). Freitas avalia que chapa pura não seria uma boa estratégia. Para ele, Luciano precisa agregar mais partidos. A vaga de vice seria importante para isso.

Na oposição há a expectativa que partidos da base aliada do governador Wellington Dias (PT) possam aderir à candidatura de Luciano. A oposição afirma que são muitos partidos para poucas vagas na chapa governistas. Quem ficar sem espaço pode aderir à oposição e indicar o vice de Luciano.

"Quando meu nome foi colocado para o governo do Estado, eu disse que na vida pública já estava realizado. O Piauí já me deu tudo que eu desejava ser. Não estava atrás de cargo e nenhuma função eletiva. Eu não estou atrás de nenhuma função, nem de governador, nem de vice. Eu quero que o Piauí escolha bem seus representantes para que possa ter um futuro melhor. Acho que do ponto de vista político ele deve buscar um candidato com lastro eleitoral e se possível de outra sigla que possa somar com o partido", destacou.

Freitas Neto diz não descartar ser vice, mas sugere que o PSDB busque outras possibilidades.

"Não é que descarte. Não estou atrás. Acho que de preferência não deva ser e sugiro à cúpula do PSDB que procure somar com outras legendas", disse.

O ex-senador destaca a juventude de Luciano e a necessidade de renovação. "O Luciano é um nome novo que se propõe a fazer um trabalho diferente. Buscando explorar as potencialidades do Estado. Valorizando a classe política, mas sem governar única e exclusivamente para os políticos. Acho que ele tem possibilidade de ter êxito nessa caminhada. O povo está ansioso por uma política diferente em função de tudo que houve principalmente, no cenário nacional. O Luciano já tem quatro mandatos, mas não se ouve nada contra ele. É ficha-limpa e tem todas as qualidades e qualificações para ser governador", afirmou.

Sobre o nome da deputada Juliana Moraes Sousa, Freitas Neto diz que ela é um bom nome. "Juliana é um bom nome. Ela provém de um esquema político importante para o Piauí. Tenho certeza que o nome dela será analisado com simpatia pela cúpula da campanha de Luciano:, afirmou.

Ao ser questionado sobre uma candidatura única da oposição, Freitas diz que já passou o tempo.

"Temos a candidatura do senador Elmano já posta. De preferência a meu vê a oposição tinha que ter feito lá atrás, em dezembro essa chapa única. Isso não aconteceu e agora só é possível no segundo turno. Já conversei com o Elmano e Luciano e eles concordam com isso", afirmou.

Lídia Brito

Supermercados de Teresina correm risco de desabastecimento

"Se a greve dos caminhoneiros não acabar hoje, corre um grande risco de faltar alimento nos supermercados de Teresina no final de semana" - a informação é do presidente da Associação Brasileira de Supermercados no Piauí, Raul Lopes.

Ele afirma que fez um levantamento na tarde desta quarta-feira (23) e ainda não havia falta de estoque nos supermercados da capital. "Teresina fica numa região estratégica, por isso ainda não tivemos esse problema, mas no interior do Piauí tem mais possibilidade de faltar", ressalta.

Raul Lopes explica que o risco maior de desabastecimento é de alimentos que são entregues diariamente e no final de semana, o risco é maior porque a movimentação nos supermercados aumenta. De acordo com informações nacionais da Associação Brasileira de Supermercados (Abras), alguns estados já começaram a sofrer com o desabastecimento de alimentos, o que vai se estender para todo o país nos próximos dias, reafirmando o que disse Lopes.

A Abras diz ainda que "está buscando sensibilizar o governo federal para que uma solução seja tomada imediatamente. Evitando, assim, que a população sofra com a falta de produtos de necessidades básicas e com uma eventual elevação nos preços".

Na Nova Ceasa a situação já é preocupante, apesar de não ter faltado alimentos ainda. Segundo o gerente de mercado Marcos Massaranduba, o local está abastecido e atendendo os clientes normalmente, mas os atacadistas já estão sentindo dificuldade para locomover as cargas. "Ainda está chegando alguma coisa, mas se as rodovias continuarem bloqueadas, teremos cada vez mais dificuldades. Nosso modal é rodoviário, então precisamos que os caminhões transitem. A situação está bastante preocupante e esperamos que haja um entendimento logo, porque quanto mais as rodovias ficarem bloqueadas, mais teremos problemas", pontuou.

A ABPA (Associação Brasileira de Proteína Animal) também alerta para a possibilidade de falta de carne nas gôndolas. Os bloqueios estão impedindo o transporte de aves e suínos vivos, ração e cargas refrigeradas destinadas ao abastecimento das gôndolas no Brasil ou para exportações.

"A continuar este quadro, há risco de falta de produtos para o consumidor brasileiro. Animais poderão morrer no campo com a falta de insumos. Já temos relatos de unidades produtoras com turnos de abate suspenso. Contratos de exportação poderão ser perdidos e há um forte aumento de custos logísticos com reprogramação de embarque de cargas", informa a entidade.

Dez anos após projeto, obra para a Copa do Brasil está 35% executada no Piauí

A obra da Vila Olímpica de Parnaíba, litoral do Piauí, que foi idealizada em 2008 para servir como centro de treinamento para a Copa do Mundo 2014 e para os Jogos Olímpicos Rio 2016 está, dez anos depois, apenas 35% concluída. O projeto foi totalmente reformulado depois que o Tribunal de Contas da União recomendou a suspensão das obras por questionar a viabilidade técnica e econômico-financeira do projeto.

Inicialmente, a execução da obra ficaria sob responsabilidade da Fundação de Esportes do Piauí com recursos do Governo Federal. Hoje, apenas a Fundespi está à frente da execução. Dois projetos foram pensados: um estádio com capacidade para 35 mil torcedores e valor estimado, na época, em R$ 180 milhões. E uma Vila Olímpica que incluía duas piscinas e nove quadras com custo previsto inicialmente de R$ 16 milhões.
As obras da Vila Olímpica começaram efetivamente em 2012 e pararam em 2014, sendo retomadas apenas no início deste ano, segundo a Fundespi. A obra ficou parada para readequação do projeto, após vistoria e recomendações do TCU, que questionou a possibilidade de manutenção e uso efetivo das instalações planejadas.

Já o projeto do estádio foi totalmente descartado e o contrato rescindido em 2015. O valor destinado pelo governo federal, pouco mais de R$ 1,3 milhão, foi devolvido pela Fundespi aos cofres da União em 2015, segundo o TCU.

“Essa obra deveria ter sido repensada em seu planejamento, porque ela realmente foi dimensionada para bem acima do seu território. Para se ter ideia, a população estimada da cidade e da região é de 300 mil habitantes e o projeto continha um estádio com capacidade para 10% da população”, disse o presidente da Fundespi ao G1, Ribamar Filho.
Em valores atuais, segundo o presidente, a obra completa da Vila Olímpica custaria R$ 22 milhões. Com o projeto reformulado, a estimativa é que custe R$ 7 milhões divididos em duas etapas.

A primeira fase está prevista, segundo Ribamar Filho, para ser concluída em 30 de junho deste ano. O valor chega a R$ 3 milhões, sendo R$ 1,9 milhão de origem federal e R$ 1,1 milhão de contrapartida do governo do estado do Piauí. Foram excluídas do projeto uma piscina olímpica e uma piscina de salto.

“O TCU bateu em cima, porque ia sair muito caro e ia ter uma manutenção cara. Não tivemos como comprovar a funcionalidade dessas piscinas. Tentamos ainda uma parceria com a Universidade Federal do Piauí, mas eles não tiveram orçamento comprovado para manter a obra”, declarou. 
Após a conclusão da primeira fase, os custos mensais estão orçados em R$ 15 mil para o atendimento de até 400 pessoas por mês. A previsão, de acordo com o presidente, é disponibilizar para a população até 30 junho nove quadras esportivas para a prática de vôlei, vôlei de praia, futsal, basquete, tênis, futevôlei e artes marciais. Inicialmente, a própria Fundespi informou que vai disponibilizar seis funcionários, entre seguranças e monitores das modalidades esportivas.

“Para a segunda etapa, com valor previsto de R$ 4 milhões, queremos entregar para a população um ginásio com capacidade para 1,5 mil pessoas, estacionamento, pista de atletismo e espaço para a prática de skate. Estamos finalizando esse projeto, que deve ter licitação lançada no segundo semestre desse ano e prazo de execução de 12 meses”, disse o presidente.

Com todas as readequações, o presidente avaliou que a melhor solução foi, de fato, o projeto não ter sido executado como o previsto inicialmente. “Parnaíba não tem tradição de futebol. Quando a cidade tem um jogo de destaque reúne 2 mil pessoas. Se tivesse sido feito como planejado, seria mais um 'elefante branco'. O custo em valores atuais chegaria a R$ 300 milhões, não teria sentido. Aquela ideia de Copa do Mundo deu no que deu nacionalmente. Não tem quem queira administrar os estádios. Realmente teria sido um problema maior se tivesse sido feito”, disse.
Atualmente, o Ministério Público Federal e o Ministério Público Estadual apuram a situação da obra. Em nota, o MPF informou ao G1 que ainda aguarda informações sobre a prestação de contas do projeto e que não pode informar detalhes do caso.

Leia a íntegra da nota:
Existe um inquérito civil tramitando da Procuradoria da República no Município de Parnaíba, sob a responsabilidade atualmente do procurador da República Saulo Linhares da Rocha. Esse inquérito está em fase de análise de documentação requisitada pelo procurador da República ao Tribunal de Contas da União, ao Ministério dos Esportes, à Caixa Econômica Federal, à Fundação dos Esportes do Piauí, à Procuradoria-Geral do Estado do Piauí e à Prefeitura de Parnaíba. Como os fatos ainda estão em apuração, o procurador não se manifestará nesse momento.

Já o MPE informou ao G1 que enviou ofício ao TCE em abril deste ano solicitando informações sobre a prestação de contas da obra. Segundo o MPE, ainda não houve resposta e o TCE está no prazo para enviar as informações. Somente com os dados, o MPE decidirá sobre quais providências serão necessárias. Procurado, o TCE ainda não se pronunciou sobre o assunto.

Por Maria Romero, G1 PI | Edição: Jornal da Parnaíba

Em tom crítica a W. Dias do PT, Elmano denuncia mortalidade em maternidade do Piauí

O senador Elmano Férrer (Podemos) tem subido o tom contra o governo de Wellington Dias (PT). No Senado Federal, o pré-candidato a governador solicitou uma audiência pública para discutir a taxa de mortalidade infantil na Maternidade Evangelina Rosa. 

Elmano faz críticas ao número de bebês mosrtos que vêm crescendo a cada ano. Só em 2018, já foram 115 mortes de bebês entre os meses de janeiro a abril. 

Segundo o senador Elmano Férrer, essa taxa de mortalidade infantil é inaceitável. “A Maternidade Evangelina Rosa tem problemas sérios, que estão contribuindo para os altos índices de mortalidade neonatal. Nós queremos encontrar soluções. Sabemos que existe um projeto para construção da nova maternidade de Teresina, mas até agora não foi executado”, ressaltou.

O requerimento para a realização da audiência pública foi aprovado nesta quarta-feira (23), e deve ser marcada nos próximos dias pelos membros da Comissão. A presidente da CAS, Marta Suplicy (MDB-SP), aprovou a iniciativa do senador Elmano Férrer. “O requerimento vai dar uma chacoalhada para que aos responsáveis tomem uma atitude. Isso é um escândalo”, afirmou.

Lídia Brito - Cidadeverde.com 

RESTAURANTE BOM SABOR - O MELHOR SABOR EM UM SÓ PRATO!

RESTAURANTE ESPECIALIZADO EM COMIDA CASEIRA. TEMOS PRATO FEITO E QUENTINHAS. DISK ENTREGAS E CONVÊNIO DE MARMITAS COM EMPRESAS.
COMIDA É FEITA COM MUITO PRAZER E CARINHO, PARA ATENDER AO PALADAR MAIS EXIGENTE DE NOSSOS CLIENTES.
VISITE-NOS E CONFIRA O NOSSO CARDÁPIO DE DAR ÁGUA NA BOCA. ABRIMOS DE SEGUNDA A  SÁBADO!
LIGUE E ENCOMENDE SUA QUENTINHA 086 9 9491-9115 OU 9 9521-8001  
RUA ALMIRANTE GERVÁSIO SAMPAIO, Nº 300 BAIRRO DO CARMO!
ALUGAMOS O ESPAÇO PARA EVENTOS!
VENHA CONFERIR!

Ônibus da Guanabara colide em carro e deixa mortos na BR-135

Ônibus da Guanabara colide em carro e deixa mortos na BR-135
Uma colisão traseira entre um ônibus e um carro deixou cinco pessoas mortas no início da manhã desta quinta-feira (24) no Km 46 da BR-135, na localidade Peris de Cima, situado no município de Bacabeira, a 58 Km de São Luís.


Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF),o acidente aconteceu quando o carro que vinha da cidade de Arari reduziu a velocidade em um quebra-molas e não conseguiu identificar a chegada de um ônibus que fazia linha da cidade de Fortaleza para São Luís, que colheu em cheio a traseira do automóvel e foi jogado para o canteiro central causando a morte dos cinco ocupantes do carro que ainda não foram identificados.

Uma equipe da PRF, do Corpo de Bombeiros e do Instituto Médico Legal (IML) foram acionadas e já estão no local do acidente.
Fonte: G1

Mão Santa recebe demanda dos socorristas do SAMU apresentada pelo vereador Carlson Pessoa

Acompanhado de alguns socorristas do SAMU o vereador Carlson Pessoa foi recebido nesta quarta-feira pelo prefeito Mão Santa, a quem solicitou a regulamentação do cargo de Condutor de Ambulância Socorrista, do Serviço Móvel de Urgência de Parnaíba, cuja nomenclatura hoje equivale à função de motorista. 

“A função já existe, não onera a folha. Em vários municípios já está regulamentada e isso engrandece muito os serviços, dando a quem está fazendo o serviço”, explicou Izaac Sousa e Silva, socorrista do SAMU, acrescentando que atualmente no grupo de motoristas que não é enfermeiro, com formação universitária, é técnico em enfermagem. “Nos não somos só motoristas, somos socorristas. Somos todos efetivos, adentramos no serviço público através de concurso”, completou.
O vereador Carlson explicou que já existe aprovado na Câmara um indicativo de projeto de lei, de sua autoria, sugerindo que o prefeito envie a lei para a aprovação. “A mudança de cargo não poderá levar prejuízo aos Condutores Socorristas, de modo que serão resguardados os direitos adquiridos tais como: contagem de tempo para efeito de aposentadoria; contagem de tempo de serviço para efeito de férias; contagem de tempo de serviço para efeito de promoção, de acordo com o plano de cargos e salários; adicionais de insalubridade e de serviço noturno, gratificações de urgência, diárias de viagens e ajuda de custo”, diz a proposta do vereador.
O prefeito disse que vai transformar o indicativo em projeto de lei para enviar à Câmara, atendendo assim à reivindicação da categoria. Ele solicitou de todos o compromisso de sempre bem atender à população. “Todos nós socorristas somos empenhados para não deixarmos nenhuma ambulância parada. É o nosso compromisso com a população”, disse o Socorrista Kleber Pascoal.
Fonte: PMP